Por Bianchi, Manor confessa alívio ao ir embora de Suzuka

Fazendo mais uma vez figuração, time não esconde que retornar ao Japão foi emocionante pela morte do francês

Morto em decorrência de um acidente sofrido no ano passado, Jules Bianchi permaneceu na mente de todos que foram ao circuito de Suzuka no último final de semana, em especial a equipe Manor (ex-Marussia).

Chefe da equipe, John Booth confessou que se sente melhor agora que o evento terminou.

"Estamos felizes por termos tirado este fim de semana do caminho", falou ele à Autosport. "Há muitas lembranças aqui.”

"Foi muito difícil na sexta-feira quando estava chovendo, mas os fãs estavam aqui.”

"Recebemos muitos presentes na quinta-feira. Quando os boxes foram abertos, você conseguia ver várias bandeiras nas arquibancada."

Graeme Lowdon, diretor esportivo do time, também ficou muito agradecido com o apoio mostrado pelos fãs japoneses.

"Você podia ver na equipe que as pessoas encaravam isso de maneiras diferentes", falou.

"Como John disse, sexta-feira foi realmente difícil. Não importava o que você olhasse, trazia de volta memórias.”

"Haviam várias imagens que pareciam semelhantes, e acho que o resto do nosso pessoal pensou o mesmo."

Lowdon foi grato aos fãs japoneses pela compreensão e simpatia exibidas ao longo do evento. "Algumas das coisas que os fãs traziam eram feitas feitas à mão. Você podia ver o esforço feito e o quanto eles se importavam.”

"Muitas pessoas também ofereceram suas expressões de simpatia, o que também nos ajudou.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Manor Racing
Tipo de artigo Últimas notícias