Porsche diz ter esnobado F-1 por "falta de relevância"

Diretor da fabricante alemã disse que foco da categoria está mais voltado a pneus e política do que aos carros

A Porsche revelou ter desistido de retornar à Fórmula 1 porque a categoria não é mais relevante para a indústria automobilística. Estudando suas possibilidades no mundo das competições, os alemães prefeririam apostar em correr na Le Mans. Atualmente, a empresa está desenvolvendo um modelo de LMP1 para estrear em 2014.

“Estava claro há dois ou três anos que tínhamos de voltar ao automobilismo de alto nível. Era uma escolha entre as melhores categorias de carros esportivos ou a Fórmula 1”, revelou o chefe de pesquisa e design da marca Wolfgang Hatz, à Autocar.

“Mas a decisão final foi a lógica. A Fórmula 1 era uma alternativa, mas não é relevante para os carros de rua. Além disso, há muita publicidade acerca dos pneus e da política, e não se fala muito nos motores e chassis. A aerodinâmica também é extrema demais e isso não pode resultar no desenvolvimento de nosso entendimento aplicado aos carros de rua.”

A Porsche competiu na Fórmula 1 como construtora nos anos sessenta, vencendo uma corrida. Mais recentemente, na década de 1980, ganhou campeonatos como fornecedora de motores para a McLaren. Sua última parceria não deu certo, com a nanica Footwork.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias