Possíveis intrusos, Kimi e Lewis dizem não ligar para briga pelo título

Campeões de 2007 e 2008 foram protagonistas em Abu Dhabi e podem repetir a dose, mas dizem se preocupam com suas próprias metas

Kimi entre Alonso e Vettel no pódio de Abu Dhabi

Na última prova em Abu Dhabi, Hamilton fez a pole e Kimi venceu. Os dois não disputam mais o título da temporada, mas podem ser peças chaves nestas últimas duas etapas, caso andem bem e se coloquem entre os dois candidatos à taça: Vettel e Alonso.

Tanto o finlandês, campeão em 2007, quanto o inglês que venceu no ano seguinte, garantem não se preocupar com a condição de possíveis intrusos na disputa. “Tentaremos fazer o máximo que pudermos como equipe na corrida. E, se tirarmos pontos de um ou de outro isso é automobilismo, é a vida”, comentou Kimi Raikkonen.

“Não estarei ligado em quem está atrás de mim e se estarei tirando pontos deles ou de qualquer outro piloto. Tentarei vencer e, se não for possível, somar o maior número de pontos”, completou.

Se Kimi demonstra não se importar muito com Alonso e Vettel, Hamilton só se preocupa em vencê-los. “Não temos o menor interesse em atrapalhar ninguém, mas queremos derrotá-los. Ainda estamos lutando por posições no campeonato, mesmo que não seja pelas primeiras posições. Então iremos apenas nos concentrar em nosso trabalho. Na última corrida Kimi faz um ótimo trabalho e acho que nós também estávamos em uma boa posição. Tomara que tenhamos menos problemas de confiabilidade neste final de semana para poder brigar com eles lá na frente”, explicou o piloto da McLaren.
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP dos EUA
Pilotos Kimi Raikkonen , Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias