Primeiro-ministro da Malásia celebra presença do país na F-1

Para Datuk Seri Najib Razak, presença de empresas malaias como principais patrocinadoras de equipes torna especial o GP deste ano

A Petronas é uma das empresas malaias que investe na Fórmula 1

A Malásia vive um momento especial dentro da Fórmula 1. O reconhecimento disso veio por parte do primeiro-ministro do país, Datuk Seri Najib Razak. “Esta corrida sempre foi um evento especial para a Malásia. Neste ano, no entanto, será ainda mais extraordinário”, afirmou Razak ao jornal Strait Times, ressaltando: “nunca esta prova foi considerada como a ‘corrida de casa’ por tantos times”.

A referência é à presença de companhias malaias em diferentes equipes da categoria. A Petronas é a principal patrocinadora da Mercedes, o mesmo acontecendo com a Próton na Renault (através da marca de carros Lotus) e da Air Asia na Lotus, um time cujo proprietário é o empresário local Tony Fernandes.

O primeiro-ministro afirmou também ser especial o fato de grandes companhias do país terem abraçado o esporte. “A Fórmula 1 é um evento de prestígio mundial e há muito tempo é a principal ferramenta para promover a Malásia no cenário internacional. Cada vez mais, companhias malaias estão adotando ela como uma ferramenta de negócios também”, disse.

O atual contrato do GP da Malásia vai até o ano de 2015.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Tipo de artigo Últimas notícias