Problema de freio do Alonso foi causado por uma sobreviseira, confirma Boullier

Uma sobreviseira que entrou no duto de freio, aqueceu, fazendo o carro perder totalmente o freio

Fernando Alonso perdeu todas as chances de pontuar no GP da Espanha, pois um problema de freio em sua McLaren o obrigou a abandonar a prova. Segundo Eric Boullier, chefe da equipe, uma sobreviseira que entrou no duto de freio do carro, impossibilitando a entrada de ar.

Sem poder entrar ar, o disco de freio literalmente fritou, fazendo o carro perder totalmente o poder de frenagem e por muito pouco, não causou um grave acidente na parada de Alonso, pois por muito pouco, o piloto não atropelou um mecânico.

“Os freios tinha começado a ir para o espaço quando o Alonso entrou nos boxes. Obviamente foi um muito bom o reflexo do mecânico que segura o macaco. Felizmente nada aconteceu com ele”, diz Boullier.

O chefe da McLaren acrescentou dizendo que o descarte da sobreviseira tem que ser feito de forma mais segura, mesmo sabendo da importância do equipamento, esse pequeno detalhe pode causar um acidente grave.

“Obviamente, os pilotos precisam das sobreviseiras, mas precisamos pensar talvez sobre como e onde eles podem jogá-las. Talvez precisemos pensar em algo para o futuro”, sugere.

A McLaren segue em sua busca do primeiro ponto da temporada e segundo a equipe e os próprios pilotos, a cada etapa isso está mais perto de acontecer.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Sub-evento Domingo pós-corrida
Pista Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias