"Prolongamento da temporada é um problema para as equipes", destaca Burti

O piloto da Stock Car e comentarista aponta desgaste excessivo para os funcionários dos times

Não basta a correria na pista, o pior é ficar longe de casa

O piloto da Stock Car e comentarista de Fórmula 1 Luciano Burti falou ao TotalRace sobre a volta do GP do Bahrein ao calendário deste ano, destacando que o prolongamento da temporada significa uma carga pesada demais para quem trabalha na categoria.

“Pessoalmente, para mim, não muda muito: quanto mais corridas, melhor”, afirmou. “Mas para a Fórmula 1 é um problema porque as equipes estão muito reduzidas, não há mais a equipe de testes, então as pessoas que trabalham na fábrica são aquelas que viajam também. Fica muito puxado. São pessoas que têm família e estão ficando cada vez menos em casa”.

Ainda em cima das decisões da FIA anunciadas na última sexta-feira, Burti festejou o fato do Grande Prêmio do Brasil ser a prova de encerramento da temporada. “O ponto positivo é a volta do Brasil como última etapa – o que já deveria acontecer neste ano, não fossem as mudanças. É sempre muito legal quando você tem a última corrida aqui, especialmente se lembrarmos daquela decisão de 2008”, disse o piloto paulista.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias