Punidos, Vettel e Ricciardo vão largar do fundo do grid

Red Bull foi acusada pela Federação Internacional de usar asas dianteiras flexíveis na classificação do GP de Abu Dhabi

Os dois carros da Red Bull vão largar no fundo do grid no GP de Abu Dhabi após receberem punição da Federação Internacional de Automobilismo devido ao excesso de flexibilidade em suas asas dianteiras.

[publicidade] O comunicado da FIA apenas apontou que o time não estava cumprindo o artigo 3.15 do regulamento técnico, que rege a influência aerodinâmica das partes do carro. Segundo a regra, todas as partes (a não ser o DRS) devem “permanecer imóveis em relação ao restante do carro”.

A entidade faz testes colocando pesos nas asas dos carros para certificar-se de que elas não tenham flexibilidade, o que ajudaria a ganhar velocidade nas retas (quando a força do ar ‘empurraria’ a peça para baixo, melhorando o fluxo) com o mínimo comprometimento nas curvas.

Apesar de ter aceitado a punição, a Red Bull reclamou que foi “escolhida para um teste na asa dianteira quando está claro que outras equipes estão interpretando as regras de maneira semelhante”.

Não é a primeira vez que a equipe tem esse tipo de problema, o que provocou, inclusive, alterações na maneira como as asas são testas pela FIA nos últimos cinco anos. No treino oficial, Daniel Ricciardo havia se classificado em quinto, uma posição à frente de Sebastian Vettel.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias