Red Bull e Toro Rosso vão bem, mas Sainz e punido e larga dos boxes

Ricciardo em quarto e Kvyat em quinto, fazem a melhor classificação do ano e dizem que poderiam ter ido melhor

Em um circuito travado como Mônaco, onde o motor não é tão exigido, a Red Bull mostrou que pode ser competitiva e colocou seus carros na quarta e quinta colocação, com Ricciardo e Kvyat, respectivamente. Toro Rosso também vai bem, mas Carlos Sainz acabou sendo punido por não ter levado seu carro para a pesagem.

A quarta colocação no grid é a melhor posição de Ricciardo no ano. Com todos os motivos para ficar satisfeito, o australiano disse que não foi o que ele esperava, pois o carro tinha potencial para estar ainda melhor.

“Estou um pouco frustrado porque eu acho que nós deveríamos ser terceiro. Houve uma falha de comunicação do pit wall e eu perdi uma oportunidade de volta. Em Mônaco, a cada posição no grid conta, mas estamos em um bom lugar para atacar e nós vamos com tudo para tentar por um lugar no pódio na corrida de amanhã”, espera.

Em quinto, atrás de Ricciardo, Kvyat também não ficou satisfeito com a posição, mas crê que poderá melhorar no decorrer da prova: “É um resultado positivo ess classificação para a equipe. Mas não estamos onde queremos estar, embora estamos fazendo progressos e indo na direção certa; nós estamos em uma boa posição para a corrida de amanhã”, confia.

Quem não tem muitos motivos para comemorar é Carlos Sainz Jr. O espanhol conseguiu se classificar na oitava colocação, mas foi punido pelos comissários, por não respeitar uma ordem de levar o carro para a pesagem. O piloto da Toro Rosso terá que largar dos boxes.

“Considerando onde estávamos nos treinos livres, uma oitava posição hoje foi decepcionante, mas precisamos lembrar que o nosso objetivo foi sempre entrar no Q3, para lutar por pontos e isso que fizemos hoje. Eu estava realmente muito satisfeito e feliz com a posição na minha estreia em Mônaco, mas a decisão dos comissários em me punir e que irei largar dos boxes, por não parar na pesagem no Q1 é muito decepcionante. 78 voltas ao redor aqui na corrida de amanhã vai agora ser ainda mais difícil. Em Mônaco é muito difícil de ultrapassar, mas vou tentar o meu melhor”, disse.

Verstappen que vem sendo muito elogiado pelos chefes, conseguiu uma discreta décima colocação (que virou nona, depois da punição de Sainz). O holandês reclamou da temperatura dos pneus que não chegaram ao ideal, o que comprometeu sua volta.

“Estou desapontado em ter apenas a décima colocação aqui em Mônaco. O Q1 e Q2 foram bons, embora eu já estivesse começando a lutar com os pneus, mas no Q3 foi realmente difícil conseguir atingir a temperatura ideal dos pneus. Vamos tentar fazer o máximo proveito do resultado de hoje na corrida de amanhã, mas não vai ser fácil. Vou tentar fazer um bom começo, ficar fora de problemas e espero lutar por mais alguns pontos”, planeja.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Pista Monte Carlo circuito de rua
Pilotos Daniel Ricciardo , Carlos Sainz Jr. , Daniil Kvyat , Max Verstappen
Equipes Red Bull Racing , Toro Rosso
Tipo de artigo Últimas notícias