Reviravoltas marcaram o final de semana em Montreal

TotalRace fez um apanhado do que foi dito pelos protagonistas da etapa canadense: quanta coisa pode mudar durante um GP!

Hamilton chegou calmo e saiu na berlinda novamente, enquanto Perez pensava em voltar e nem correu

O final de semana do GP do Canadá começou com Mark Webber duvidando que a Red Bull poderia dominar a prova, Felipe Massa, por sua vez, aceitou as desculpas de Lewis Hamilton e Sergio Perez comemorou a volta.

Muita água – literalmente – passou por debaixo da ponte. E, no domingo, era Jenson Button quem comemorava, De la Rosa quem estava no cockpit de Perez e Hamilton, de novo, ia para a berlinda. Acompanhe como foi a etapa canadense por meio das frases de seus protagonistas.

“Tem sido duro para nós, aqui e em Monza. Nem eu, nem Seb estivemos perto de ganhar aqui nos últimos anos. Esperamos poder mudar isso neste final de semana.” Webber

“Isso já aconteceu em algumas corridas, quando ele foi penalizado pelo que fez dentro da pista. O importante é aprender”. Massa sobre Hamilton

“Estou com mais vontade que nunca e espero que possa ser um bom final de semana para mim.” Sergio Perez

“Não poderia imaginar quando, a dez minutos de começar o treino, Monisha Kaltenborn veio me perguntar se podia pegar o carro. Foi uma correria para eu pegar meu capacete, todo o material. Cheguei lá, pedi para arrumarem os pedais, mas eles não conseguiram, tive de sair do jeito que estava.” De La Rosa, chamado às pressas para substituir Sergio Perez.

“É uma falta de transparência. Soube pelo twitter. Mas é isso, tem de seguir adiante.” Esteban Gutierrez, piloto de testes da Sauber, quando soube que Pedro de La Rosa ocuparia o lugar de Sergio Perez

“É uma situação de muita pressão, ele não conhece a pista e nunca andou no carro deste ano. Não seria correto e, na verdade, quase irresponsável. Mas é bom que ele reagiu dessa forma, porque mostra que está no caminho certo.” Diretora executiva da equipe Sauber, Monisha Kaltenborn

"Andei mais que o limite em minha volta, que foi fantástica. Estou feliz comigo, mas estamos sem velocidade.”Hamilton

“Não tivemos o caminho mais fácil antes da classificação e também estávamos sem Kers, o que não foi nada positivo.” Webber

“Vou lutar pela vitória sem dúvida, pois este não é um ano simples. A gente está bem atrás e vou pensar na vitória." Massa

“Foi uma boa classificação, uma volta muito boa e estou muito feliz. É um grande passo, mas tudo pode acontecer na corrida, com a chance de chuva.” Vettel

“É sempre frustrante quando você não é rápido. Não tínhamos o ritmo que pensávamos ter. Sabemos que nosso ritmo de corrida é melhor que o de classificação. É um circuito em que se pode ultrapassar, então vamos esperar que sejamos mais velozes amanhã.” Button

“Como a pista tem seis ou sete freadas fortes, se não fosse o problema que tive, poderia ter virado no mínimo 1min14s7. É uma diferença brutal, de seis décimos para o tempo que virei.” Barrichello

“Acho que agressividade tem de ter limite, respeitando o outro e não deixando de ser competitivo por causa disso.” Fittipaldi sobre Hamilton

“Espero uma corrida caótica, com várias decisões para tomar. A sorte volta a ter um papel importantíssimo. Espero uma corrida para acabar e para sobreviver.” Alonso

“Lembro da equipe me dizendo no penúltimo Safety Car que eu estava em 20º. Passar todos esses carros para vencer foi muito especial. Vou guardar esta vitória junto ao meu campeonato mundial”. Button

“Eu adoro o molhadão. Quando está secando, também fica muito legal, porque, se você faz a estratégia correta na hora certa, acaba ganhando posições.” Barrichello

"Lewis achou que a bandeirada era na curva 3. Nos tocamos e acho que ele foi um pouco desajeitado.” Webber

"Você não vê absolutamente nada. As gotas não saem da sua viseira e só dá para mirar na luz piscando no carro da frente. Ainda assim, você só consegue ver a luz quando chega perto, por causa do spray", Rosberg, sobre guiar na chuva

“Não sei se dou risada ou choro, se fico animado ou triste. No fim do dia, foi um ótimo resultado, o melhor do ano. Ainda sou a mesma pessoa”. Schumacher

“Eu o estava passando no molhado, ele acelerou, eu perdi o controle do carro e acabei no muro. Minhas chances de ir para o pódio evaporaram bem aí", Massa sobre sua batida

“O jogo da culpa começa quando o seu lugar na equipe está ameaçado", Kartikeyan sobre Massa

“Tínhamos potencial para lutar pela vitória, mas tudo o que podia dar errado, deu", Stefano Domenicali, após a prova

“Ele cometeu um raro erro em um dia cheio de falhas dos outros pilotos". Christian Horner, sobre a escapada de Vettel  na última volta

Ouça as principais entrevistas do final de semana no blog do repórter da Jovem Pan, Felipe Motta, colunista do site TotalRace.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Jenson Button , Michael Schumacher , Rubens Barrichello , Mark Webber , Fernando Alonso , Narain Karthikeyan , Lewis Hamilton , Felipe Massa , Nico Rosberg , Sebastian Vettel , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias