Ricciardo não vê seu futuro garantido na Red Bull

Cotado para substituir Webber após a aposentadoria do australiano, novato de 22 anos diz que precisa mostrar serviço

Ricciardo participou de treinos livres com a Toro Rosso antes de ir para a Hispania

Tudo indica nas entrelinhas das declarações, tanto do chefe da Toro Rosso, Franz Tost, quanto do consultor da Red Bull, Helmut Marko, que Sebastien Buemi e Jaime Alguersuari lutam por apenas uma vaga na equipe B da marca austríaca de energéticos. Atualmente pilotando pela Hispania, o novo queridinho Daniel Ricciardo já estaria com os dois pés no time de Faenza.

No entanto, o australiano de 22 anos não vê garantias de que esteja prestes a dar o que seria o primeiro passo para substituir Mark Webber após a aposentadoria do compatriota e ser companheiro de Sebastian Vettel na Red Bull.

“Da maneira que vejo, não há garantias para vários pilotos. Especialmente quando você começa na F-1 e precisa causar boa impressão”, afimou ao GPUpdate.net. “Até onde sei, nada foi definido para o ano que vem.”

O novato acredita que muito do que o futuro lhe reserva depende de como será sua performance na Hispania até o final do ano.

“Tenho de fazer mais do que um trabalho respeitável na Hispania e depois vamos ver quais portas se abrem para o ano que vem. Obviamente, tenho uma ligação com a Red Bull, mas nada é realmente garantido a longo prazo.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Daniel Ricciardo
Tipo de artigo Últimas notícias