Ricciardo se apoia em velocidade, equipe e ascendência

Australiano da Hispania quer esquecer primeiro abandono da carreira em Spa com uma boa performance em Monza

Daniel Ricciardo

Para Daniel Ricciardo, o GP da Itália será um novo aprendizado, mas não total. Conhecer a pista, o australiano já conhece, mas crê que tudo será bem diferente a bordo de um carro de F-1.

"Não será minha primeira vez em Monza, mas, como estreante na F-1, pilotarei um carro completamente diferente do que já provei", conta Ricciardo, que admitiu decepção por ter abandonado em Spa, o que configurou em sua primeira corrida sem completar desde a estreia.

Para Monza, o piloto acredita que o trabalho de equipe será essencial, mas também espera que a ascendência italiana lhe dê um pouco mais de sorte. "Quero esquecer meu primeiro abandono, que aconteceu em Spa. A palavra do fim de semana é velocidade e será possível com trabalho em equipe."

"Me apoio nas raízes italianas para ganhar um impulso em busca de uma boa performance na Itália", continua Ricciardo, que faz uma breve descrição do circuito.

"Monza é uma pista especial que exige uma abordagem completamente diferente das outras pistas que já pilotei. Por ser de baixa pressão aerodinâmica, com freadas fortes nas chicanes, será uma nova experiência para anotar no livro", completa.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Itália
Pilotos Daniel Ricciardo
Tipo de artigo Últimas notícias