Ricciardo teme que grande reta na China seja ruim para Red Bull

Piloto admite que equipe evoluiu após teste e fim de semana no Bahrein, e confia que possa ser segunda força

Depois de um quarto lugar no Bahrein, Daniel Ricciardo acredita que a Red Bull tenha crescido durante o GP em Sakhir e os testes disputados lá após a corrida. Para ele, sua equipe é a grande favorita a ser a melhor equipe do resto em Xangai neste final de semana, após a Mercedes.

"Eu acho que estamos melhorando, também temos que prestar atenção no desempenho do fim de semana no Bahrein, onde fomos bem", disse Ricciardo.

"Obviamente, nós não voltar lá neste ano, mas eu acho que nós entendemos algumas coisas no fim de semana e nos dias de testes, então eu espero que na China nós possamos ser fortes também. Provavelmente não seremos a primeira melhor equipe, mas espero que possamos ser a segunda melhor."

Com a grande reta na pista de Xangai, Daniel Ricciardo disse que teme que a falta de velocidade do motor Renault o atrapalhe durante o final de semana. Perguntado se isso era de fato importante, ele respondeu: "Talvez.”

"Vamos ver. Eu acho que essa pista recompensa bastante uma boa aerodinâmica - fora, obviamente, a longa reta - mas espero que consigamos ir bem nos primeiros setores para que tenhamos tempo suficiente para o que perdermos na reta não ser um grande problema."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias