Rosberg culpa má organização por insucesso da Mercedes

Alemão garante que agora a equipe descobriu as falhas e tem suas peças trabalhando nas funções em que rendem melhor

Rosberg e Schumacher

O alemão Nico Rosberg acredita que a má organização interna da Mercedes é que atrapalhou o desenvolvimento da equipe nestes primeiros dois anos de existência – e garantiu que os problemas estão sendo resolvidos para 2012.

“Ele sabe do que precisamos para ser a melhor equipe. Há muitas pessoas competentes que apenas ainda não encontraram a melhor forma de trabalhar juntas, já que nem todos estavam nas funções certas. Este processo está acontecendo agora”, afirmou ao Auto Motor und Sport.

O piloto de 26 anos elogiou as novas contratações na equipe, de engenheiros que lideraram equipes como Renault, Red Bull e Ferrari. E aproveitou para dar um voto de confiança no chefe do time de Brackley, Ross Brawn.

“Com Bob Bell, Geoff Willis e Aldo Costa temos três novas pessoas a bordo, e acredito muito em Ross. Você sente a ambição dele.”

Mas Rosberg não espera que toda essa revolução interna vá fazer da equipe a referência a curto prazo. O alemão acredita que a Red Bull continuará sendo o time a ser batido na temporada 2012.

“Não importa quais sejam as regras, a Red Bull estará forte. Eles têm o conhecimento, a estrutura e tudo o que é preciso para continuar sendo os melhores.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias