Rosberg lamenta falta de velocidade em sua Mercedes

Alemão pulou mais rápido que Vettel na largada, mas foi superado pela Red Bull antes de completar a primeira volta

Quinto colocado, Nico Rosberg somou pontos importantes para fazer a Mercedes terminar aquela que é sua melhor temporada até hoje na segunda posição. O piloto saiu de segundo e logo na partida superou Sebastian Vettel. No entanto, o tetracampeão não precisou de DRS para passar Nico antes da linha de chegada na reta dos boxes para voltar ao primeiro lugar.

A partir daí, o piloto só perdeu posições. Primeiro para Alonso, depois Webber. No fim, Nico finalizou sua corrida em quinto.

“No final tivemos um bom dia, porque o segundo é muito importante para toda a equipe. Falei pela manhã com meus companheiros, meus mecânicos: 'Hoje à noite não vamos celebrar se não formos segundos'”, falou ao TotalRace.

“Isso foi muito importante para nós. Temos também o bônus em dinheiro pela posição no campeonato. Foi um dia fantástico para nós. Estou muito feliz também, mas prefiro ir para a casa, não ir para festa. O melhor lugar para comemorar é a minha casa, durantes as férias.”

Falando da corrida, o alemão lamentou a falta de velocidade do W04 no seco em Interlagos. “Minha largada foi muito boa, mas o problema é que não tínhamos tanta velocidade hoje. Tive problemas com os pneus traseiros, não sei porque.”

“Mas foi uma temporada ótima para nós. Melhoramos muito o carro, a equipe e tudo o mais. Vamos ter um inverno com muito trabalho, porque no próximo ano vamos fazer tudo diferente. Vamos ter um inverno muito interessante.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Brasil
Pilotos Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias