Rosberg: "Mercedes se torna uma equipe histórica da F1"

Nico Rosberg disse que a Mercedes está deixando a sua marca como uma das grandes equipes clássicas da história da F1, após a companhia vencer o seu segundo campeonato de construtores consecutivo

A equipe colocou a mão na taça graças à punição de 30 segundos de Kimi Raikkonen, que o rebaixou para o 8º lugar no GP da Rússia. Com a vitória de Lewis Hamilton, a Ferrari não tem mais chances matemática de alcançar a Mercedes e o time comemorou o título mundial de construtores com quatro corridas de antecipação.

De acordo com Nico Rosberg, vencer o título com tamanha dominância é a prova de que a equipe se tornou, agora, uma das grandes da história da F1:

"Eu vi o time crescer desde o começo do projeto Flechas Prateadas em 2010 e o nível que nós atingimos daquela época até agora é inacreditável. Tivemos alguns anos duros no começo, mas agora somos a maior equipe da F1, dominando a categoria e quebrando recordes", disse o alemão.

"Quando as pessoas pensarem na história da F1, pensarão em times como a McLaren dos anos 80, a Williams dos 90, a Ferrari dos 2000, e nós agora estamos deixando a nossa própria marca. Os últimos dias foram difíceis para mim, mas voltar à fábrica e ver todos os meus colegas tão felizes após a conquista do campeonato me coloca um sorriso no rosto", afirmou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton , Nico Rosberg
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias