"Sabia que não estava rápido como o Cacá", diz Maurício

Piloto da Eurofarma RC faz ótima largada e lidera parte de prova no Velopark, mas não suporta pressão e cede vitória a rival

Maurício pressiona Cacá no Velopark

"Foi um resultado importante para o campeonato. Nessa pontuação, a gente sabe que a constância é importante". Desta forma, Ricardo Mauricio celebrou a liderança da temporada 2012 da Copa Caixa Stock Car, sustentada com a segunda posição na etapa do Velopark.

Para consolidar o resultado, Mauricio teve na largada um momento essencial e foi elogiado até por Cacá Bueno via rádio durante a corrida. E o segredo, segundo ele, foi o aquecimento correto dos pneus. 
 
"A largada foi muito boa, a pista ficou mais fria e a gente aqueceu mais o pneu do que o Cacá. Já tinha largado bem, mas havia sido espremido no muro", descreve o paulista, que travou uma árdua batalha com o tetracampeão nas voltas seguintes, mas acabou sucumbindo. 
 
"O Cacá estava mais rápido do que eu, mas errou ao colocar um push, não sei se ele deu antes da hora, destracionou, então consegui defender. Fiquei com o raciocínio de que eu deveria ter sempre um push a mais do que ele. O Cacá conseguiu me passar e deu uma volta muito rápida. Como ele se distanciou, ficou mais difícil", descreve.
 
"Foi uma corrida de cabeça, sabia que eu não estava tão rápido como o Cacá, a tração dele estava melhor do que a minha. Acabou sendo uma corrida mais estratégica. No final da corrida, não tinha mesmo como chegar e fiquei esperando por um erro dele. Mas o resultado foi ótimo", completa Mauricio, líder do campeonato com 55 pontos, cinco a mais que Valdeno Brito.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias