Sainz se torna sétimo piloto mais jovem da história a marcar pontos

Depois de problemas no box, espanhol consegue chegar ao fim do GP da Austrália e abrir carreira pontuando

Depois de um bom grid, em sétimo, e uma excelente largada, Carlos Sainz Jr conseguiu pontuar em sua estreia na Fórmula 1. O piloto da Toro Rosso, apesar da boa performance, teve azares com o motor Renault na relargada após o Safety Car e sofreu com problemas no seu pit stop, que o atrasou até o oitavo lugar, até que fosse ultrapassado por Marcus Ericsson da Sauber no fim da corrida.

"Estou muito satisfeito por ter marcado pontos na minha primeira corrida de Fórmula 1, na minha estreia”, iniciou.

Obviamente, sabemos que havia muito mais potencial do que um nono lugar, mas, apesar de tudo, se levarmos em conta tudo o que aconteceu, temos de manter o pensamento positivo, continuar a melhorar e acreditar em nós mesmos, porque sabemos que podemos fazer melhor.”

“Eu gostei da corrida. Fiz uma boa largada e gostei das batalhas na primeira volta, mesmo que eu tenha sido talvez um pouco otimista demais. Aprendi minha lição. O pit stop lento foi um momento difícil para toda a equipe. Estávamos em uma posição muito boa e perdemos bastante tempo. A partir daí a corrida mudou e foi apenas uma questão de terminar.”

“Estou feliz com o meu primeiro fim de semana, sinto que alcancei todos os meus objetivos e estou ansioso para a próxima corrida, na Malásia."

Primeiro espanhol a pontuar na estreia desde De la Rosa em 1999, Sainz se tornou o sétimo mais jovem a marcar pontos na F-1. Ele está atrás de Buemi, Ricardo Rodríguez, Button, Alguersuari, Vettel e Daniil Kvyat.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias