Sam Michael explica o que pode ser aproveitado para 2014

Diretor da McLaren diz que equipe está estudando alguns procedimentos para serem adaptados ao próximo carro

Ainda com algumas lições a aprender, principalmente em relação aos motivos pelos quais as simulações da equipe não apontaram as falhas demonstradas pelo carro atual, a McLaren vai continuar desenvolvendo o carro deste ano pelo menos até agosto. A partir de então, o foco vai totalmente para o modelo do ano que vem, que já está sendo pensado desde 2012.

“O carro de 2014 tem sido desenvolvido há nove ou 12 meses”, revelou Sam Michael, diretor administrativo do time. “Assim como todas as equipes, estamos equilibrando os recursos que colocamos nele e no carro deste ano – vamos desenvolver esse carro até a pausa de agosto. Depois veremos o nível de competitividade em Monza, Spa e Cingapura e avaliaremos se continuamos trabalhando nele.”

Michael explicou que, ainda que as peças usadas neste ano não possam ser aproveitadas no próximo carro, há conceitos que podem ser levados adiante.

“Ainda que os componentes não tenham continuidade, a compreensão dos mecanismos ainda é útil. Vamos olhar a correlação e, se as peças que trouxermos funcionarem, talvez continuaremos [desenvolvendo o carro deste ano]. Provavelmente o que menos vale é o escapamento, que será muito diferente ano que vem e não é relevante. Para a maioria das outras peças, ainda que não sejam as mesmas, os estudos que estamos fazendo no momento serão válidos.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias