Sauber se preocupa com degradação dos pneus traseiros

O diretor técnico da equipe, James Key, acredita que o calor e o tipo de desgaste sejam os maiores desafios do GP da Austrália

A Sauber tem motivos para estar animada para o início do campeonato de Fórmula 1. Na pré-temporada, o carro pilotado pelo japonês Kamui Kobayashi e o maxicano Sergio Perez mostrou confiabilidade ao ser o terceiro que mais andou, atrás apenas da Ferrari e da Red Bull. No entanto, o diretor técnico da equipe, James Key, está preocupado com o tipo de degradação que os times deverão encontrar, nesta que será a prova de reestreia da Pirelli como fornecedora, depois de 20 anos de ausência.

“Será interessante porque Albert Park tende a ser um circuito duro com os pneus traseiros, enquanto as pistas em que treinamos desgastavam mais os dianteiros. Então, o equilíbrio do carro deve mudar bastante para Melbourne e, se as temperaturas de pista forem maiores, teremos que ficar mais de olho nos traseiros do que nos testes, mas isso é parte do processo”, explicou, por meio da assessoria de imprensa da Sauber.

Como o último dos testes, que seria realizado no Bahrein, foi cancelado devido à instabilidade política do país árabe, as equipes fizeram todos os ensaios sob o inverno espanhol.

Mas esse não será o único desafio da Sauber. Além de se equilibrar da melhor forma possível com a degradação dos pneus e o fato de ter à disposição apenas 11 jogos por todo o final de semana, o time ainda terá que se concentrar na adaptação do estreante Sergio Perez.

“O formato do final de semana será um pouco diferente, dado que os pneus são um pouco menos consistentes do que estávamos acostumados. Logo, é algo que temos de otimizar. A respeito dos pilotos, estamos obviamente ansiosos para trabalhar com Sergio em um final de semana de corrida pela primeira vez. Ele progrediu bastante durante os testes e esperamos transferir isso diretamente para a prova, em que há mais pressão. Tenho certeza de que ele conseguirá ir bem.”

Com isso, o trabalho de acerto do carro ficará a cargo de Kobayashi, que inicia sua segunda temporada completa.

“Kamui focará mais no set up e na performance geral. Particularmente na sexta-feira, será importante encontrar a direção correta. Considerando os eventos no Japão, sabemos que será um final de semana difícil para ele, mas todos no time o apoiarão”, concluiu.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Tipo de artigo Últimas notícias