Schumacher celebra melhor tempo: "Provei que podem confiar em mim"

Alemão cumpre a primeira parte de sua profecia: ainda na quarta-feira, havia dito que faria a pole no GP de Mônaco

Schumacher comemorou o melhor tempo em Mônaco

Ao cruzar a linha de chegada e ser informado de que fizera o melhor tempo na classificação para o GP de Mônaco, Michael Schumacher afirmou via rádio que era um resultado “muito necessário”. Afinal, o alemão foi duramente criticado depois de não marcar pontos pela terceira vez no ano após a colisão com Bruno Senna no GP da Espanha.

A batida fez com que o heptacampeão fosse para Mônaco sabendo que perderia cinco posições no grid. Assim, a pole se tornou um sexto lugar, mas a sensação de ter superado os rivais em um circuito que o piloto gosta muito foi comemorada alemão. “Monte Carlo é um circuito muito especial, com muito prestígio. Estou muito contente”, afirmou logo após sair do carro.

Curiosamente, Schumacher . Após a realização da primeira parte de sua ‘profecia’ – a segunda é de que vencerá a prova – o alemão agradeceu a confiança da Mercedes.

“Por ser quem eu sou, creio que algumas pessoas me criticam mais. Obviamente, provei várias vezes que podem confiar em mim e hoje confirmei isso novamente. Estou muito feliz por todos nós, porque, ainda que seja apenas o primeiro passo no final de semana, dá para curti-lo.”

Schumacher explicou que vê sua carreira separada em duas e afirmou que este é o melhor resultado desde que retornou à F-1, no início da temporada 2010.

“Tenho de dizer que vejo dois capítulos diferentes na minha vida e este é o segundo. Sendo assim, dentro dessa época, é minha melhor posição de largada e tomara que possa retornar toda confiança que a equipe depositou em mim nos últimos dois anos e meio.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Pilotos Michael Schumacher
Tipo de artigo Últimas notícias