Schumacher é penalizado em cinco posições no grid para Mônaco

Acidente com Senna complica vida do alemão para as apertadas – e difíceis de se ultrapassar – ruas de Monte Carlo

Schumacher está em situação complicada para Mônaco

O incidente de Michael Schumacher em cima a de Bruno Senna custou caro para o alemão da Mercedes. O heptacampeão mundial perderá cinco posições no grid de largada da próxima corrida, o Grande Prêmio de Mônaco que será disputado no dia 27 de maio.

O acidente aconteceu no início da volta 13, na freada da curva um. Schumi abalroou a traseira do brasileiro, retirando ambos da corrida.

"Obviamente eu não estou feliz com o resultado da corrida, pois acredito que poderíamos ter conseguido alguns pontos hoje", comentou Schumacher.

Sobre o acidente, o alemão disse que "não é fácil de ver os replays da televisão, mas o que aconteceu do meu ponto de vista foi que ele se defendeu à direita, e, de repente, pouco antes do ponto de freada, foi para a esquerda. Quando você está muito junto na zona de freada, você não tem outra escolha senão tentar reagir e evitar a batida, mas já era tarde demais. É uma pena, como eu disse, mas agora é olhar para frente e tentar atacar na próxima corrida", finalizou o heptacampeão que soma somente dois pontos no campeonato.

Vencedor da corrida da China, Nico Rosberg não teve muito que comemorar, pois só chegou em sétimo na prova espanhola.

"Foi um dia difícil e bem estranho para nós", comentou. "Não consegui controlar bem os pneus e fiz meu último stint com 26 voltas. Pelo menos consegui controlar o ímpeto de Lewis Hamilton no final e defendi minha sétima colocação."

Rosberg, ex-piloto da Williams, terminou seu pronunciamento oficial congratulando Maldonado e Frank pela vitória.

"Parabéns para ao Pastor e ao Frank; do meu antigo time Williams!"

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Pilotos Michael Schumacher , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias