Schumacher: "entendo se Vettel decidir ir para a Ferrari"

Alemão aproveita para afastar a possibilidade de correr em outra categoria e brinca que virará cowboy após aposentadoria

Piloto com maior número de largadas e títulos pela Ferrari, Michael Schumacher disse compreender se o compatriota Sebastian Vettel decidir, um dia, ir para a equipe de Maranello.

À Gazzetta dello Sport, o piloto da Mercedes disse acreditar que seria um novo desafio para o bicampeão. “Acho que todos, como eu também experimentei em determinado momento, sentem que precisam de um novo desafio. Ele também terá isso, se tomar uma decisão baseado nisso”.

Falando sobre sua aposentadoria, Schumacher garantiu que vai parar completamente de correr após o final do ano. “Não está nos meus planos. A Fórmula 1 oferece o máximo em termos de emoção, velocidade e plenitude de trabalho. Qualquer outro topo de carro não me daria as mesmas sensações. Estou parando completamente”.

Brincando, o alemão abriu a possibilidade de competir junto da mulher em eventos country. “Acho que vou participar de competições de cavalos. Minha esposa Corinna, que faz isso há anos, já escolheu o cavalo certo para mim. Vou para cima”.

Schumacher ainda reconheceu o valor destes três anos em que competiu pela Mercedes para seu amadurecimento. No período, o melhor resultado do heptacampeão foi um terceiro lugar, no GP de Valência desde ano. “Se olhar para o retrovisor da minha vida, me vejo feliz e sorrindo. Tive duas carreiras distintas, uma em que venci tudo e outra em que aprendi a perder. Mas isso me tornou mais maduro e paciente, e a idade faz parte. Agora posso olhar para trás de maneira global, ver o que fiz e ficar satisfeito”.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Michael Schumacher , Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias