Schumacher sai do estado de coma e deixa hospital na França

Heptacampeão continuará seu tratamento "longe dos olhos do público", de acordo com comunicado oficial

O alemão Michael Schumacher saiu do estado de coma mais de cinco meses depois do acidente de esqui sofrido em dezembro do ano passado e continuará o restante de seu tratamento fora do hospital em que esteve internado por todo esse tempo, em Grenoble, na França.

[publicidade]O heptacampeão da Fórmula 1 sofreu lesões cerebrais sérias após chocar sua cabeça contra uma pedra durante um passeio com a família enquanto esquiava nas montanhas francesas.

“A família dele gostaria de explicitamente agradecer todos os seus médios, enfermeiras e terapeutas em Grenoble, assim como todos os que estavam nos primeiros socorros no acidente, que fizeram um trabalho excelente nestes primeiros meses”, salientou um comunicado distribuído pela família e a empresária do ex-piloto.

“Em relação ao future pedimos a compreensão de que o restante de sua reabilitação vai acontecer longe dos olhos do público.”
Schumacher é o maior vencedor da história da Fórmula 1, com 91 vitórias e 68 poles, além dos sete títulos mundiais.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias