Sem desistir de 2011, Montezemolo já pensa no próximo ano

Presidente da Ferrari elogiou regulamento deste ano e mudanças dos motores para 2014, que, segundo ele, não foram "ditatoriais"

Luca di Montezemolo

 

Para Luca di Montezemolo, a Ferrari não deve desistir. Apesar das dificuldades a bordo do modelo 150º Itália, o presidente da montadora de Maranello bota fé em conseguir reverter a situação ainda neste ano.
 
"Nos últimos dias, fui ver a situação com Stefano Domenicali e seus engenheiros. Estamos trabalhando loucamente e podemos ver as melhorias, comparadas as três últimas corridas, e isso se deve a uma diferente abordagem no desenvolvimento do carro", comenta o italiano.
 
"Sabemos que a situação nos dois campeonatos é bem difícil, mas não quero ouvir conversas sobre desistir: precisamos tentar progredir continuadamente e tentar vencer em cada corrida", ressalta Luca, que admite: o time também já pensa no ano seguinte.
 
"Claro, já começamos a conversar sobre o carro de 2012, algo normal para esta época do ano. Tenho fé no que Domenicali e sua equipe estão fazendo e estou convencido de que veremos os resultados de seus trabalhos." 
 
Montezemolo, por fim, fez elogios ao novo regulamento e às mudanças dos motores, que, em sua opinião, foi saudável por não ser ditatorial_ em uma clara alusão ao antigo presidente da FIA, Max Mosley. "Acho que tem sido um começo positivo de temporada. As corridas estão imprevisíveis e cheias de ultrapassagens, o que é interessante para o público. Este era um dos objetivos que o esporte estabeleceu e foi alcançado."
 
"A escolha nos motores V6 turbo a partir de 2014 é a correta e estou contente em ver que o senso comum prevaleceu. Isso mostra que estamos traalhando juntos sem contra-propostas ou ditadores, o que leva a melhor desfecho."
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias