Sem vaga na McLaren, Button pode deixar F-1, diz empresário

Campeão de 2009 e mais experiente do grid, inglês espera decisão de seu time para a próxima temporada

A pouco mais de um mês do final da temporada de 2014 da Fórmula 1, o campeão de 2009, Jenson Button, ainda não sabe se terá uma vaga na categoria – e começa a considerar disputar o Mundual de Endurance no próximo ano.

[publicidade] Button aguarda a definição da McLaren, que teria negociações avançadas com Fernando Alonso, de saída da Ferrari dois anos antes do final de seu contrato. Tanto o inglês, quanto seu companheiro, Kevin Magnussen, que estreou neste ano, não têm acordo fechado com o time de Woking para o ano que vem.

Segundo seu empresário, Richard Goddard, Button só permanecerá na Fórmula 1 em um carro competitivo. Caso contrário, deixará a categoria.

“A McLaren não sabe o que eles vão fazer e qual será sua dupla de pilotos. Isso é muito óbvio. Qualquer um que tenha uma vaga livre gostaria de ter Jenson. Ele ainda está focado na Fórmula 1, mas só gostaria de estar em um time grande. Então estamos abertos a conversas”, afirmou Goddard à BBC.

Isso incluiria uma mudança para outras categorias, como o Endurance, que hoje conta com vários ex-pilotos da Fórmula 1, incluindo Mark Webber, que deixou a Red Bull no final do ano passado.

“É uma categoria formidável que está ganhando força e o fato de Mark ter ido para lá só aumentou isso. É uma categoria incrível para competir. Jenson é incrivelmente competitivo e quer correr. Ele é bom demais para ficar no final do grid da F-1. Então ou ele consegue um cockpit competitivo na F-1 ou vai para outro lugar.”

Aos 34 anos, Button é o segundo piloto mais velho do grid da Fórmula 1 – Kimi Raikkonen, que tem contrato com a Ferrari para 2015, tem 35. Porém, o inglês é o mais experiente, com 263 GPs.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias