"Será outro australiano tentando fazer minha vida difícil", diz Vettel

Tricampeão e Mark Webber comentam escolha de Daniel Ricciardo pela Red Bull e veem merecimento do piloto

Com a decisão de substituir o aposentado Mark Webber com o australiano Daniel Ricciardo na Red Bull, Vettel e o próprio Mark comentaram a decisão feita pela equipe. Mesmo sendo australiano, Webber disse que não teve grande influência na escolha de Daniel e, fosse quem fosse seu substituto, o piloto disse que não se importaria com quem assumiria seu lugar.

“Não faz muita diferença para mim, para ser honesto. Max Chilton, Kimi ou Daniel, não mudaria muito, mas estou muito feliz por Daniel ter conseguido pela perspectiva de um australiano”, disse ao TotalRace.

“Em 60 anos tivemos apenas três vencedores do nosso país e sempre com muito tempo ente nós, Jack [Brabham], Alan [Jones] e eu. Agora Daniel pode continuar a sequência de vitórias, o que é bom. Levei uma disputa de campeonato até a última corrida, talvez ele consiga fazer melhor. Ainda temos o GP em Melbourne, o que é muito importante para o nosso país, ter um piloto em um bom carro.”

Mark também exaltou Ricciardo não levar dinheiro pela vaga na Red Bull. “Mas ele mereceu. Ainda não estamos vendo gente pagar para os melhores lugares na F-1.”

Vettel disse que não enxerga diferença entre Ricciardo e Vergne, e que não interferiu na escolha de Daniel. “Não vejo uma grande diferença. Os dois têm tido resultados parecidos durante esta temporada. Mas acho que temos uma visão melhor do que acontece dentro da equipe do que vocês de fora. Acho que Daniel foi um pouco mais consistente, mas os dois têm a mesma velocidade.”

O alemão também não sabe se o piloto será constante a partir do início de 2014. “É difícil dizer porque ele não está em um carro no momento que o permita lutar por pontos todas as corridas e correr na frente como nós. Mas como melhorar se você não tiver uma chance? Tenho certeza que ele está dando o máximo e acho que no ano que vem ele dará o máximo para me bater. Mas nada muda. É outro australiano tentando fazer minha vida difícil.”

“Acho que essa é a diferença. Em 2009 não tínhamos as mesmas expectativas indo para a temporada como agora. Mas igualmente para o ano que vem teremos um carro completamente diferente de agora. Nos últimos anos crescemos muito como equipe. Fizemos muitas coisas certas e para o próximo ano seremos competitivos, mas não sabemos o quanto.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Itália
Pilotos Mark Webber , Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias