"Sinto que posso encarar qualquer coisa", diz Hamilton após férias

Inglês comemora estar a apenas 11 pontos de Rosberg mesmo com problemas e espera Williams forte em Spa

Depois de sofrer com quebras, acidentes e ter de se recuperar nas últimas corridas, Lewis Hamilton aproveitou para recarregar as energias nas férias da Fórmula 1 em agosto. Para as oito últimas etapas, o inglês sente que as experiências difíceis vão lhe ajudar a enfrentar o que vier pela frente na disputa pelo título com o companheiro de Mercedes, Nico Rosberg.

[publicidade] “A parada de agosto sempre chega na hora certa para todos, mas para mim nesse ano foi melhor do que em outras temporadas devido a estas situações pelas quais eu passei, desde a primeira prova, passando pelo Canadá, Áustria, nas classificações nas últimas provas... precisei  de muita energia para dar a volta por cima e acabei chegando na metade do ano apenas com 11 pontos atrás”, avaliou o inglês.

“Agora eu volto muito energizado das férias. Não sei o que vai acontecer mas, depois de tudo por que eu passei, sinto que posso encarar qualquer coisa.”

Perguntado pelo TotalRace sobre com quem espera lutar neste final de semana, além de Rosberg, Hamilton destacou a chances da Williams ir bem, especialmente se a opção de todos for por usar menos pressão aerodinâmica, o que ajuda na velocidade de retas, e prejudica o segundo setor, com mais curvas.

“Até agora a mídia tem sugerido que a Williams estará próxima e que Spa poderá ser sua melhor chance. Não sei se eles vão tirar pressão aerodinâmica nessa corrida – eu sei que nós iremos, assim como outras equipes que estarão lutando pela vitória. Talvez esse nível de pressão aerodinâmica mais baixo seja favorável para eles. Não sei o que vai acontecer.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias