Sutil espanta confusões passadas com pontos em Mônaco

Alemão consegue bons pontos com a sétima colocação na corrida deste domingo, mas não conseguiu escapar do drama no fim

Sutil lidera grupo antes de confusão

 

Adrian Sutil ficou satisfeito com o sétimo lugar no GP de Mônaco. Depois de semanas de incerteza nos bastidores por conta da confusão envolvendo o sócio da Renault Eric Lux numa boate em Xangai, o piloto alemão conseguiu seu melhor resultado da temporada. Mas não sem uma dose de drama. De uma forma indireta, foi ele quem ocasionou a reação em cadeia que gerou o acidente múltiplo a nove voltas do final. 
 
Falando ao TotalRace, o piloto alemão revelou que estava para entrar nos boxes quando a confusão aconteceu: “os pneus tinham se desgastado tanto que, mesmo sendo possível pilotar o carro, era claro que seria necessário ir aos boxes na volta seguinte - e era o que pretendíamos. Mas tudo quase acabou quando toquei no guard-rail”. 
 
Segundo ele, o que o atrapalhou foi a ultrapassagem que recebeu do venezuelano Pastor Maldonado na freada da curva Tabac. “Teve um que me passou, nem sei quem era, e com isso eu peguei a parte suja da pista, perdi o controle do carro e bati, destruindo um dos pneus. Foi uma pena, mas pelo menos foi num ponto em que os boxes estavam perto”, explicou Sutil.
 
De qualquer forma, o alemão vibrou por ter chegado ao final em um circuito onde costuma andar bem. “Foi uma boa corrida, optamos pela estratégia correta. Larguei em 14º, era um caminho longo. Ultrapassar aqui é muito difícil e apesar de tudo consegui um bom resultado, fiquei feliz que deu para chegar no final. Essa pista me traz lembranças de bons momentos e este foi mais um para juntar nessa coleção”, disse.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Pilotos Adrian Sutil
Tipo de artigo Últimas notícias