Temporada já está a três ultrapassagens de superar 2010

Em sete etapas, 544 manobras foram computadas em 2011, sendo 125 apenas no GP do Canadá, novo recorde do circuito

Button foi o rei das ultrapassagens em montreal

Os números de ultrapassagens na temporada 2011 continuam a impressionar. Mesmo em uma prova com a intervenção de seis Safety Cars e apenas 38 voltas de bandeira verde, o GP do Canadá deste ano superou com folga o recorde de manobras no circuito: foram 125 contra 65 do ano passado, melhor marca até então.

Não surpreendentemente, o vencedor da prova Jenson Button, que chegou a ocupar a última posição a 30 voltas do final, foi o piloto que mais ultrapassou: 26 vezes, contra 12 de Paul Di Resta, outro que teve uma prova com várias visitas aos boxes, e 10 de Rubens Barrichello.

Os pilotos que mais vezes foram superados foram a dupla da Virgin, Timo Glock (14) e Jerome d’Ambrosio (12), além do companheiro de Barrichello, Pastor Maldonado (13).

Com esses números, a temporada 2011, mesmo com 12 etapas para o final, está perto de superar em quantidade de ultrapassagens a de 2010 – que, por sua vez, já havia sido a mais movimentada desde 1989: o placar é 544 a 547, sendo que apenas a última prova foi afetada pela chuva, o que naturalmente gera mais trocas de posição.

O GP do Canadá ficou a uma ultrapassagem de igualar o recorde da temporada até agora, que continua com a Turquia.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Jenson Button , Rubens Barrichello , Paul di Resta
Tipo de artigo Últimas notícias