Temporada mantém média alta de ultrapassagens de últimos anos

Conjunto formado por pneus de alta degradação e asa traseira móvel segue sendo efetivo para movimentar as corridas

Após 10 provas, esta temporada vem mantendo as médias positivas de ultrapassagens dos últimos anos, resultado direto da adoção de pneus com maior desgaste e da asa traseira móvel, a partir de 2011.

A temporada até aqui teve 579 ultrapassagens no total. Após as 10 primeiras etapas, em 2012 589 manobras haviam sido feitas, contra 668 de 2011. A diferença é que, com a saída do GP da Europa, em Valência, a prova da Hungria, tradicionalmente uma das menos movimentadas do campeonato, passou a fazer parte da “primeira metade” do ano.

Assim, comparando apenas os mesmos circuitos utilizados nos últimos dois anos, esta temporada está na frente, com 526 ultrapassagens contra 441. Além disso, se considerarmos apenas os números de provas disputadas no seco, 2013 fica ainda mais na frente do que 2012, com 474 ultrapassagens até aqui contra 365 das dez primeiras provas do último ano.

Assim, apenas em Xangai, Montreal e Sepang, única prova disputada sob chuva, o número de ultrapassagens neste ano foi inferior ao da última temporada. Veja os dados compilados pelo Clip the Apex.

Número de ultrapassagens de 2012 e 2013

*prova disputada em Hockenheim em 2012 e em Nurburgring em 2013

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias