'Trânsito' dificulta, e Massa termina estreia na Rússia frustrado

Na primeira corrida realizada na Rússia, o brasileiro, 18º no grid, finalizou em 11º, fora da zona de pontuação

Massa ficou 'preso' a Sérgio Perez e acabou fora da zona de pontuação
Um final de semana difícil. Assim, frustrado, Felipe Massa deixou o Grande Prêmio da Rússia. Depois de largar em 18º, o brasileiro chegou até a disputar um lugar na zona de pontuação, mas permaneceu grande parte da prova ‘preso’ a Sergio Perez, da Force India, e terminou a etapa de Sochi somente na 11ª colocação.
 
[publicidade] O desempenho abaixo do esperado, ainda mais se comparado ao do companheiro de Williams, Valtteri Bottas, o terceiro, incomodou o brasileiro, que culpou o ritmo constante dos rivais, especialmente de Sergio Perez, para justificar a ausência na zona de pontuação.
 
“Eu vinha em um bom ritmo, até o momento que cheguei atrás de um carro que estava com um pneu bom, usando DRS, não consegui ultrapassar. Perdi muito tempo atrás desse carro (Perez) Aí, o meu pneu começou a gastar, usei outra parada, mas não deu”, discursou o brasileiro.
 
“No momento em que saiu o Perez, tinha o Kimi (Raikkonen), e muitos outros virando rápido, com pneu bom. Não tinha como ultrapassar porque o ritmo era parecido, fiquei a corrida toda atrás do trânsito”, lamentou.
 
Massa permaneceu mais de 20 voltas atrás de Sergio Perez, nas quais alega não ter tido oportunidade para ultrapassar o mexicano da Force India e disputar pontos em Sochi.
 
“Não tive chance para tentar colocar o carro do lado, infelizmente não foi possível porque o ritmo era parecido durante a volta. Infelizmente não foi o resultado que esperava, mas estou feliz por Valtteri (Bottas) chegar ao pódio, que é importante para a equipe”, encerrou.
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias