Trulli pede punição a Perez por atitudes em Hungaroring

Italiano da Lotus se sentiu prejudicado pelo mexicano após ser ultrapassado de maneira irregular pelo piloto da Sauber na corrida

Jarno Trulli

Jarno Trulli está uma fera com os comissários da FIA. O italiano da Lotus protesta contra uma atitude de Sergio Perez na última corrida realizada em Hungaroring.

Segundo o veterano, o piloto da Sauber o atrapalhou e fez uma ultrapassagem proibida, cortando a chicane e não sendo punido. "Agora é minha vez de reclamar. No começo, tive de lidar com três incidentes que me jogaram para trás, e o Perez surgiu com um comportamente absurdo e tudo acabou".
 
"Ele estava estranhamente lento, mais até que meu Lotus. O ultrapassei duas vezes para recuperar a posição que ele pegou cortando a chicane. E o regulamento é muito claro: se ele fez isso, devia devolver a posição, o que não aconteceu. Pelo contrário, ele ficou à frente", protesta.
 
"Ele foi rude, ignorante com as regras, e imagino os motivos pelos quais a FIA não tomou atitudes. Minha mensagem é clara: existe apenas um regulamento e é o mesmo para todos: não só para quem anda na frente, mas, também, para quem corre atrás."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Jarno Trulli , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias