Venezuela decide suspender programa de investimento no esporte a motor

Nova restrição do governo pode ter consequências para carreira internacional de Pastor Maldonado, apoiado pela PDVSA

Uma sombra de incerteza paira no momento sobre a carreira de Pastor Maldonado na Fórmula 1. O campeão da GP2 em 2010 sempre foi apoiado pelo governo venezuelano em sua carreira através da petrolífera estatal, a PDVSA. No entanto foi anunciado hoje um corte total no investimento da petrolífera no automobilismo.

Segundo o governo, que vive crise financeira atualmente, o dinheiro será utilizado para outros campos importantes.

“Eu sei que vou fazer alguns inimigos, mas não liberaremos mais nenhum dólar para o esporte a motor”, falou o novo ministro dos esportes da Venezuela, Antonio Álvarez, ao jornal local Ultimas Noticias.

"É injusto usar dinheiro do Estado em disciplinas que não contribuem para o desenvolvimento do esporte neste país", completou.

Segundo Álvarez, os recursos serão utilizados para a manutenção de estruturas esportivas dentro do país.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias