Veterano alemão rejeita convite da Caterham para correr em Abu Dhabi

André Lotterer, que guiou pela equipe na Bélgica, desta vez não irá representar a Caterham na Fórmula 1

Lotterer não reforçará a Caterham em Abu Dhabi
A presença confirmada no GP de Abu Dhabi, etapa de encerramento do Mundial de Fórmula 1, movimenta a Caterham nesta semana, já que a equipe se encontra com apenas um piloto garantido no grid: o japonês Kamui Kobayashi – o sueco Marcus Ericsson, reforço da Sauber para 2015, encerrou contrato com caráter imediato.
 
[publicidade]Para achar um novo piloto, a Caterham apelou para André Lotterer, que guiou o carro da escuderia no final de semana do Grande Prêmio da Bélgica, no qual ocupou a vaga justamente de Kamui Kobayashi. Desta vez, no entanto, o alemão rejeitou o convite.
 
“Estou lisonjeado, porque não é todo dia que você pode atender a chamada da Fórmula 1. Tive uma grande experiência em Spa, mas para fazer mais, precisaria estar em uma melhor situação. Não quero ser simplesmente um cara que guia na parte de trás”, disse Lotterer, em entrevista à revista ‘Autosport’.
 
Na visão do piloto alemão de endurance, a situação atual da Caterham, que vive graves problemas financeiros e administrativos, pesou para o ‘não’ nesta oportunidade.
 
“Se eu tiver oportunidades de receber um melhor lugar na F1, aí seria diferente, mas não é isso que parece no momento”, completou Lotterer.
 
A Caterham desfalcou o grid de Fórmula 1 nas duas últimas etapas do campeonato: Austin e São Paulo. A equipe apelou para uma ‘vaquinha’ a fim de angariar recursos para estar em Abu Dhabi.
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias