Vettel e Alonso voam na segunda sessão em Cingapura

Alemão e espanhol colocam 0s7 de diferença para carro mais próximo; Massa é quarto; Senna fica em 12°, com Barrichello em 16°

Carro da Red Bull em Cingapura

Podendo assegurar o inédito bicampeonato neste fim de semana, Sebastian Vettel começou com o pé direito as atividades para o GP de Cingapura de Fórmula 1.

No escurinho da cidade-estado localizada no sudeste asiático, o alemão da Red Bull registrou a marca de 1min46s374, ficando dois décimos à frente do espanhol Fernando Alonso, da Ferrari. Contudo, vale ressaltar: o espanhol foi mais veloz que o atual campeão mundial quando os dois andaram de tanques cheios.
 
A McLaren apareceu logo em seguida, com Lewis Hamilton registrando o terceiro tempo, mas bem atrás no tempo: 0s741. Atrás dele, ficou o melhor brasileiro, Felipe Massa. O piloto da Ferrari chegou a tocar no muro e parar na pista, mas depois marcou o melhor tempo por um período e terminou em quarto.
 
Mark Webber apareceu com o segundo Red Bull em quinto, à frente de dois carros com motores Mercedes: o Mercedes GP de Michael Schumacher e a Force India de Adrian Sutil. Os dois Sauber, com Sergio Perez e Kamui Kobayashi, nesta ordem, ficaram em oitavo e nono, com Jenson Button fechando o "top 10".
 
O inglês, inclusive, ficou parado na pista após errar uma freada e detectar que a marcha ré de seu McLaren não funcionava. Com isso, teve de abandonar o carro na pista e voltar aos boxes de moto. Outro que deu azar foi Sebastien Buemi, que bateu seu Toro Rosso. Hamilton, por sua vez, ralou o muro e se arrastou até a garagem na segunda parte da sessão.
 
Bruno Senna superou Vitaly Petrov na briga interna da Renault e foi 12°. Rubens Barrichello, com o carro da Williams, terminou em 16°, à frente do companheiro Pastor Maldonado. O que impressionou nesta sessão foi a disparidade dos tempos: os cinco primeiros ficaram a 0s8, com o sexto sendo mais de dois segundos mais lento. O lanterna, Vitantonio Liuzzi, fechou o dia com 8s824 de desvantagem com seu Hispania.
 
Neste sábado, as atividades começam às 8h (de Brasília), com o terceiro treino livre, exibido pelo SporTV; a tomada de tempos está marcada para as 11h, com transmissão ao vivo da Rede Globo e da Rádio Jovem Pan.
 
Os tempos da segunda sessão:
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias