Vettel: “Favoritismo tem de permanecer com a Mercedes”

Vencedor de três provas neste ano, piloto da Ferrari diz que Cingapura e Suzuka são bem diferentes e que Mercedes deverá voltar ao topo

A 49 pontos do líder Hamilton e a sete do vice Rosberg, Sebastian Vettel manteve a cautela falando de suas expectativas para o GP do Japão.

Quando perguntado em Suzuka nesta quinta-feira sobre as perspectivas da Ferrari para as próximas corridas, Vettel afirmou: "É difícil dizer olhando para os resultados deste ano até agora.”

"Nós tivemos um grande carro em todas as pistas. Em pistas de rua como Mônaco e Cingapura, e outras como Malásia e Silverstone. Se você olhar para a maioria das corridas não estávamos completamente fora da disputa. Isso faz com que possamos ser razoavelmente confiantes.”

"Nós aprendemos ao longo do ano, e espero que isso signifique que sejamos neste final um pouco mais fortes. Mas o favoritismo tem de permanecer com a Mercedes e seus dois carros."

Demandas de Suzuka

Vettel, que teve o melhor ritmo do grid em Cingapura, está ciente de que a pista de alta velocidade de Suzuka exige diferentes características dos carros.

Ele confessou que ficaria chocado se repetisse o que aconteceu em Cingapura, mas diz que fará tudo o que puder para vencer.

"É uma pista completamente diferente aqui, mas espero que sim", ele explicou. "Temos que ser realistas.”

"De certa forma, foi uma grande surpresa ver as Mercedes com problemas. Não espero ser o caso aqui. Seria uma grande surpresa, mas se tivermos oportunidade temos que tentar vencer.”

"A natureza da pista é completamente diferente aqui. O clima pode trazer surpresas, por isso vai ser um fim de semana difícil."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Pista Suzuka
Pilotos Sebastian Vettel
Equipes Ferrari
Tipo de artigo Últimas notícias