"Vettel me jogou para fora", reclama Massa após GP do Bahrein

Alemão sequer foi investigado pelos comissários após manobra nas voltas finais da corrida

Felipe Massa criticou a decisão dos comissários de não punir Sebastian Vettel por tê-lo espremido para fora da pista durante o GP do Bahrein. O alemão foi o sexto, uma posição à frente do brasileiro.

A regra diz que, a partir do momento em que o carro que vai atrás coloca a asa dianteira ao lado do adversário, este é obrigado a deixar espaço entre seu carro e a linha branca, que delimita a pista. No lance, que aconteceu nas voltas finais da prova, Massa teve de sair da pista para não colidir com Vettel, que continuou indo para a direita mesmo com o Williams a seu lado.

“Ele teria de ter recebido uma punição”, defendeu o piloto, ouvido pelo TotalRace. “Eu tentei tirar o carro antes, mas ele me jogou para fora. Se o carro de trás coloca uma parte do carro de lado, o carro da frente não pode jogá-lo para fora. Isso foi uma coisa que a gente mudou dois anos atrás depois que aconteceu um problema aqui na corrida do Bahrein.”

O brasileiro se refere a duas manobras de Nico Rosberg, contra Lewis Hamilton, então na McLaren, e Fernando Alonso, exatamente no mesmo ponto em que Vettel o jogou para fora. Naquela ocasião, o alemão não foi punido, mas os pilotos se reuniram e acertaram com os comissários a mudança da regra para impedir cenas parecidas.

“Não foi um trabalho bem feito dos comissários. Às vezes eles erram, outras eles acertam, e essa foi uma em que eles erraram.” 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias