Vettel recusa presentes: “Não quero vencer da maneira errada”

Alemão da Red Bull garante que não ficaria satisfeito em assinar um papel que lhe garantisse a vitória

Vettel recebendo a bandeirada no Bahrein

Atual líder do campeonato após uma vitória relativamente fácil no Bahrein, o alemão Sebastian Vettel disse que vencer é sempre emocionante, a não ser que a vitória seja facilitada por terceiros.

“Claro que vencer é sempre emocionante, mas você não quer vencer, digamos, do jeito errado. Não quero nenhum presente, pois o sentimento de vitória não seria o mesmo”, explicou o piloto à NBC.  “Se alguém me der um papel , dizendo ‘assine aqui e vencerá a corrida ou o campeonato’, onde estará a emoção?”, questionou.

O piloto deu a entender que não aceitaria reviver situações como as vividas por Michael Schumacher e Fernando Alonso na Ferrari, quando receberam vitórias “de presente” de seus companheiros. “A emoção está em lutar por posições, cuidar do próprio desempenho, garantir que está sendo consistente e após isto vencer a corrida. Aí vem a satisfação”, argumentou o tricampeão do mundo.

“Acho que perderia muito da emoção escrever a história por antecipação”, completou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias