Vettel sai na ponta e vê Alonso largando apenas em oitavo

Imbatível nos Estados Unidos até aqui, alemão se surpreendeu ao ver Hamilton a pouco mais de um décimo, em segundo

Sebastian Vettel está impossível em Austin, palco do GP dos Estados Unidos. De capacete de cowboy, o alemão, que dominara todas as sessões de treinos livres, foi o melhor em todas as fases da classificação e conquistou a sexta pole position da temporada.

Rival mais próximo do piloto da Red Bull durante a sessão, Lewis Hamilton foi o segundo, pouco mais de um décimo atrás. Mark Webber foi o terceiro colocado, seguido por Kimi Raikkonen. Romain Grosjean fez o quarto tempo, mas perde cinco posições pela troca de câmbio. Felipe Massa larga em sexto, à frente de Fernando Alonso, apenas oitavo colocado. Bruno Senna larga em 11º.

Q1

A classificação começou com a expectativa de muita dificuldade com o aquecimento dos pneus, pois a Pirelli levou a Austin os compostos mais duros de sua escala. Com isso, várias equipes do meio do pelotão, de Sauber, Force India, até a Lotus, já saíram com os pneus médios na primeira fase do treino.

Mesmo assim, Nico Rosberg só conseguiu se salvar na última tentativa. O trabalho do alemão foi complicado porque a HRT de Narain Karthikeyan parou na caixa de brita e demorou a ser recuperada. A equipe espanhola, que temia não ficar dentro do limite dos 107%, conseguiu se classificar com folgas, ainda que fechando a última fila.

O destaque entre as nanicas foram as Marussia, que se classificaram à frente das Caterham. Daniel Ricciardo, da Toro Rosso, também terminou sua participação no treino ainda no Q1, em 18º.

Na frente, Vettel marcou o primeiro tempo, com pneus duros e meio segundo de vantagem para Hamilton. Bruno Senna foi o quinto. Apenas as Red Bull, McLaren e Ferrari não usaram o pneu médio na primeira fase da classificação.

Q2

A história se repetiu na segunda parte da classificação, com Vettel ampliando ainda mais sua vantagem sobre Hamilton: oito décimos. Alonso chegou a correr risco de ficar de fora do top 10, depois de ser atrapalhado por Michael Schumacher, mas conseguiu se garantir com menos de três minutos para o final. O espanhol, porém, foi superado por Felipe Massa tanto com os pneus duros no Q1, quando com os médios no Q2.

Justamente pela dificuldade de aquecer os pneus, os pilotos fizeram uma saída à pista, completando mais de três voltas rápidas na maior parte dos casos. Quem não conseguiu ficar entre os dez foi Jenson Button, com problemas na aceleração de sua McLaren e se classificou em 12º. Bruno Senna também ficou no Q2, mas por apenas dois décimos – Maldonado foi o sexto na sessão.

Atrás do brasileiro, se classificaram Di Resta, Vergne, Perez, Kobayashi e Rosberg, que não se encontrou no treino e viu o companheiro Schumacher terminar o Q2 em oitavo.

Q3

A exemplo do Q2, os pilotos optaram por dar uma sequência longa de voltas, usando apenas um jogo de pneus. Ao contrário das suas outras sessões, Hamilton chegou a se aproximar mais de Vettel, mas não conseguiu roubar a pole do alemão. A grande decepção foi Fernando Alonso, que foi superado pelo companheiro Massa pela segunda vez no ano.

O espanhol larga em oitavo tendo de chegar pelo menos em quarto para evitar o título de Vettel, caso o alemão vença a prova. O GP dos Estados Unidos tem largada às 17h.

Confira os tempos da classificação
1.  Sebastian Vettel      Red Bull-Renault     1m35.657s
2.  Lewis Hamilton        McLaren-Mercedes     1m35.766s 
3.  Mark Webber           Red Bull-Renault     1m36.174s
4.  Kimi Raikkonen        Lotus-Renault        1m36.708s
5.  Michael Schumacher    Mercedes             1m36.794s
6.  Felipe Massa          Ferrari              1m36.937s 
7.  Nico Hulkenberg       Force India-Mercedes 1m37.141s 
8.  Fernando Alonso       Ferrari              1m37.300s 
9.  Romain Grosjean       Lotus-Renault        1m36.587s (Punido)
10.  Pastor Maldonado      Williams-Renault     1m37.842s

Q2
11.  Bruno Senna           Williams-Renault     1m37.604s 
12.  Jenson Button         McLaren-Mercedes     1m37.616s
13.  Paul di Resta         Force India-Mercedes 1m37.665s
14.  Jean-Eric Vergne      Toro Rosso-Ferrari   1m37.879s
15.  Sergio Perez          Sauber-Ferrari       1m38.206s 
16.  Kamui Kobayashi       Sauber-Ferrari       1m38.437s
17.  Nico Rosberg          Mercedes             1m38.501s 

Q1
18.  Daniel Ricciardo      Toro Rosso-Ferrari   1m39.114s  
19.  Timo Glock            Marussia-Cosworth    1m40.056s  
20.  Charles Pic           Marussia-Cosworth    1m40.664s  
21.  Vitaly Petrov         Caterham-Renault     1m40.809s  
22.  Heikki Kovalainen     Caterham-Renault     1m41.166s
23.  Pedro de la Rosa      HRT-Cosworth         1m42.011s  
24.  Narain Karthikeyan    HRT-Cosworth         1m42.740s 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP dos EUA
Tipo de artigo Últimas notícias