Webber usa vitória no Brasil como incentivo para 2012

Australiano, que participa de prova de aventura na Tasmânia, espera que conquista o ajude a retomar "velha forma" do passado

Webber no Desafio da Tasmânia

A vitória no GP do Brasil parece ter acendido Mark Webber. O australiano, que teve uma de suas temporadas mais discretas desde que entrou na Red Bull, em 2007, foi constantemente superado pelo parceiro, Sebastian Vettel, que se tornou bicampeão.

Segundo o piloto, que está na Tasmânia participando do evento de ciclismo que apoia há anos, Vettel soube aproveitar bem a boa fase que surgiu em sua carreira neste ano, com performances dominantes e recordes arrebatados.

"Em 2010 foi uma briga de foice, mas neste ano não foi assim, Seb estava em um momento fenomenal em cima de todos nós. Mas o encorajador é que todos nós sabemos que as margens são muito pequenas neste esporte", afirma.

"Antes que você saiba, você consegue aqueles dois décimos de volta por qualquer motivo e, de repente, o momento joga com o seu lado", comenta Webber, que vê na conquista em Interlagos uma oportunidade para voltar à velha forma.

"Não sabemos quem estará lutando no ano que vem, mas, certamente, fiquei feliz com a maneira que meu ano terminou. Isso é muito positivo para mim e preciso levar isso para 2012", destaca o piloto, terceiro colocado nesta temporada, que admite: seu ponto fraco foi a classificação, que costumava ser o ponto forte.

"Foi uma coisa onde era muito forte no passado e neste ano não rendeu muito para mim. Foi melhorando para o fim do ano, com disputas próximas com Sebastian. Ele estava constantemente na pole e não estou desmerecendo-o."

"Você não quer deixar muito trabalho para fazer numa corrida, o que foi o meu casso em muitas ocasiões", completou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Mark Webber
Tipo de artigo Últimas notícias