Williams se irrita com time de Perez após acidente de Massa

Para engenheiro, Force India deveria ter pedido para piloto abandonar por problemas nos freios

A Williams acredita que a negligência da equipe Force India ao gerir um problema de freios no carro de Sergio Perez pode ter levado à colisão do piloto com Felipe Massa, na última volta do GP do Canadá.

O chefe de performance veicular da Williams, Rob Smedley, mostrou-se bastante irritado após a prova e explicou por que Perez foi considerado culpado pela batida, que levou os dois ao hospital. O mexicano foi punido com a perda de cinco posições no grid da próxima prova, na Áustria.

“Mostrei a eles as evidências: Felipe freou 5m antes da volta anterior e a distância entre ele e Vettel continua estável, enquanto é Perez quem se movimenta em direção a Felipe. E as câmeras mostram que Perez freia muito cedo e vai para a esquerda – não sei se ele virou ou se foi por causa de problemas nos freios”, observou Smedley ao TotalRace.

“Houve uma transcrição do rádio dele, acho que da volta 67, em que ele diz ‘não tenho freios traseiros’. E a resposta foi ‘se conseguir continuar, continue; caso contrário, pare’. Isso, para mim, é uma p... de um problema terminal. Não consigo entender por que você deixa um carro com problemas desse tipo na pista.”

O engenheiro deu o exemplo da própria Williams, que também teve problemas de freio, com Valtteri Bottas, e pediu para que o finlandês adotasse um ritmo mais conservador no final da prova.

“No nosso caso, tivemos de pedir para Valtteri diminuir o ritmo para economizar motor e, principalmente, freios. Era perigoso. Perdemos pontos, mas a vida é assim. Lewis Hamilton teve os mesmos problemas e tiveram de parar o carro, mesmo com ele disputando o título. Estou um pouco irritado, para dizer o mínimo, que isso aconteceu.”
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias