Nasr é o terceiro e Ericsson marca segunda pole do ano em Silverstone

Em sessão marcada por chuva nos últimos 12 minutos, sueco é 0.371s mais rápido. Líder do campeonato, Coletti é 4º

Marcus Ericsson ainda não chegou na zona de pontuação neste ano

O sueco Marcus Ericsson foi o mais rápido na classificação da GP2 nesta sexta-feira em Silverstone. O piloto da equipe DAMS foi o único a entrar na casa de se 1:40, cravando 1:40.716s para largar pela segunda vez na temporada em primeiro, repetindo seu resultado da Espanha.

A parte competitiva da sessão foi encurtada pela chuva, que era fraca no início da sessão e aumentou gradativamente até a metade, quando nenhum piloto mais pôde melhorar seus tempos.

Fazendo as honras da casa, o britânico Sam Bird da equipe Russian Time foi o segundo, 0.371s atrás de Marcus Ericsson.

Felipe Nasr fez boa sessão, chegando a cravar a melhor volta, mas sendo superado por Bird e Ericsson após sua primeira tentativa, na qual teve de abortar uma de suas voltas por uma saída de pista.

Rival do brasileiro na briga pelo campeonato, Stefano Coletti sairá na corrida 1 deste sábado ao seu lado no grid. O piloto monegasco está atualmente 24 pontos na frente de Felipe na temporada. Companheiro de Ericsson, Richelmi foi o quinto, à frente de Fabio Leimer da Racing Engineering.

Os pilotos da MP Motorsport, Adrian Quaife-Hobbs e Daniel de Jöng, 24º e 26º, foram os únicos a chegarem de fato a rodar durante o treino. O primeiro perdeu seu carro na curva Copse, mas o salvou de bater. O holandês segurou seu bólido descontrolado na Stowe, também evitando por pouco a barreira de pneus.

A largada amanhã está marcada para às 10h40 da manhã.

Confira o gridde largada:

1. Marcus Ericsson (DAMS) 1:40.716s (6 voltas)
2. Sam Bird (Russian Time) 1:41.087s (7 voltas)
3. Felipe Nasr (Carlin) 1:41.144s (6 voltas)
4. Stefano Coletti (Rapax) 1:41.219s (9 voltas)
5. Stéphane Richelmi (DAMS) 1:41.411s (7 voltas)
6. Fabio Leimer (Racing Engineering 1:41.442s (10 voltas)
7. Rio Haryanto (Barwa Addax) 1:41.537s (10 voltas)
8. Mitch Evans (Arden) 1:41.563s (6 voltas)
9. Tom Dillmann (Russian Time) 1:41.633s (8 voltas)
10. James Calado (ART GP) 1:41.662s (10 voltas)
11. Julián Leal (Racing Engineering) 1:41.765s (9 voltas)
12. Fabio Crestani (Venezuela GP Lazarus) 1:41.771s (8 voltas)
13. Nathanaël Berthon (Trident Racing) 1:41.812s (8 voltas)
14. Sergio Canamasas (EQ8 Caterham Racing) 1:41.881s (7 voltas)
15. Kevin Ceccon (Trident Racing) 1:41.890s (8 voltas)
16. Robin Frijns (Hilmer Motorsport) 1:41.970s (6 voltas)
17. Jon Lancaster (Hilmer Motorsport) 1:41.978s (8 voltas)
18. Johnny Cecotto Jr. (Arden) 1:42.013s (7 voltas)
19. Alexander Rossi (EQ8 Caterham Racing) 1:42.020s (7 voltas)
20. Jolyon Palmer (Carlin) 1:42.207s (9 voltas)
21. Simon Trummer (Rapax) 1:42.213s (9 voltas)
22. Rene Binder (Venezuela GP Lazarus) 1:42.376s (8 voltas)
23. Jake Rosenzweig (Barwa Addax) 1:42.402s (8 voltas)
24. Adrian Quaife-Hobbs (MP Motorsport) 1:42.658s (8 voltas)
25. Daniel Abt (ART GP) 1:42.687s (9 voltas)
26. Daniël de Jong (MP Motorsport) 1:42.862s (6 voltas)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias GP2
Tipo de artigo Últimas notícias