Terceiro na tabela, Nasr se anima com evolução do carro

Após um quarto e um segundo lugares no final de semana do Bahrein, brasiliense se vê bem posicionado na briga

Após as duas primeiras rodadas duplas da GP2, são dois quartos e dois segundos lugares. Mantendo-se perto da ponta e evitando zerar, Felipe Nasr acredita que está no caminho certo para disputar o título deste ano – e chegar logo à primeira vitória na categoria.

Com 48 pontos, o brasiliense manteve a terceira colocação no campeonato após as duas provas realizadas no Bahrein e se mostra confiante para o restante da disputa, liderada por Stefano Coletti, com 64 pontos. Em segundo, Fabio Leimer tem 54.

“Fiquei muito satisfeito pelo carro ter evoluído muito desde a Malásia”, afirmou ao TotalRace. “Esse é o fator principal para estarmos lutando pelo campeonato. Precisamos estar entre os três primeiros e marcar muitos pontos. A vitória está chegando perto e vamos continuar trabalhando para chegar lá”, disse o piloto, que foi superado por Sam Bird por apenas oito centésimos na última corrida.

“Acho que foi um bom começo. Na primeira prova daqui, o resultado poderia ter sido melhor, não fosse um problema no pit stop. Mas isso acontece. Aqui foi comigo, em outra etapa será com outro. É continuar fazendo nosso trabalho.”

Falando sobre a segunda corrida do final de semana no Bahrein, Nasr destacou a importância de pontuar. “Tive um pouco da sensação de ter perdido a vitória, pela diferença pequena, e de ter feito uma corrida cerebral. O importante é seguir marcando pontos, ainda mais em uma corrida bem confusa.”

Não que a prova tenha corrido sem maiores transtornos, especialmente nas primeiras voltas. “Na largada, o carro da frente não largou bem e, quando desviei dele, acabei destracionando e perdi posições. Então, tive de usar mais pneu no começo da corrida e depois vim administrando.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias GP2
Tipo de artigo Últimas notícias