Com estratégia certeira, Power pula de 16º para liderança em Detroit; Kanaan é o 3º

Pole position da corrida, Castroneves perde ponta após ter azar com bandeiras amarelas e é apenas quinto colocado

O australiano Will Power venceu neste sábado sua segunda corrida da temporada 2014, desta vez em Detroit. O piloto da Penske de número 12 largou apenas em 16º lugar, se aproveitou de uma série de bandeiras amarelas que vieram a seu favor e faturou a corrida 1 do GP em Belle Isle. O australiano ainda teve um pequeno toque no início da prova com Simon Pagenaud, o que acabou tirando o francês da corrida, mas não teve consequências para o piloto da Penske.

Graham Rahal, na mesma estratégia de Power, bem que tentou após a última relargada passar o piloto da Penske. O norte-americano usou todos os seus push to pass disponíveis, mas não conseguiu tirar a liderança de Power, que ganhou com 0.3s à frente.

Tony Kanaan, apesar de ter sofrido no primeiro stint da prova com os pneus mais macios, mostrou boa forma no fim para economizar combustível sendo rápido e chegou a um ótimo terceiro lugar, seu primeiro pódio pela equipe Chip Ganassi.

Justin Wilson foi o quarto, à frente do pole position Hélio Castroneves. O piloto da Penske demonstrou o melhor ritmo da tarde, mas acabou sofrendo com o azar de ter bandeiras amarelas nos momentos errados da prova. Com isso, após sua última parada, o piloto voltou no tráfego e viu Power e o resto fazendo seus últimos pit stops e voltando na frente. Castroneves recuperou posições na pista, mas o máximo que pôde fazer foi o quinto.

Líder do campeonato, Ryan Hunter-Reay bateu na última volta e deixou Power e Castroneves mais próximos na tabela do campeonato.

Na largada, Castroneves continuou na ponta. Hawksworth pulou para segundo com Hinchcliffe indo para terceiro. Kanaan fez boa largada, indo de oitavo para o quinto lugar. Logo na quinta volta aconteceu a primeira bandeira amarela, após um toque de Will Power que jogou Simon Pagenaud no muro, o que tirou o francês da prova com uma suspensão quebrada.

Na relargada, Hélio continuou liderando, com Hawksworth, Hinchcliffe, Conway e Kanaan atrás. A bandeira verde durou 10 voltas, depois que Conway encontrou de forma estranha o muro da pista de Belle Isle. A nova bandeira amarela abriu a primeira janela de pits. Hawksworth parou, e dentro dos pits, enquanto o mecânico trocava seu pneu, teve seu disco de freio quebrado, saindo da briga pela prova.

Na nova relargada, Rahal liderava Andretti depois de ambos não pararem. Depois vinham Power, Aleshin e Hunter-Reay, que haviam parado antes. Castroneves, era o oitavo. Com a parada dos ponteiros, Castroneves voltou à liderança na volta 32. Cinco voltas depois, surgiu a terceira bandeira amarela, após Josef Newgarden parar na pista. Os primeiros eram Hélio, Hinchcliffe, Dixon, Muñoz e Power.

Com a relargada na volta 44, Castroneves foi para os pits na volta 48. O brasileiro voltou em 13º. Power liderava com Kanaan, Rahal, Montoya e Briscoe atrás. Hélio foi recuperando posições na pista de Aleshin e Huertas, que estavam na mesma estratégia. Quando tentou passar Huertas, o brasileiro cometeu um erro. Erro que fez Aleshin tentar passar o brasileiro, que fechou a porta, o que fez o russo ser tocado pelo canadense Hinchcliffe, trazendo a bandeira amarela.

Na relargada, Briscoe liderava com Power, Rahal, Kanaan e Wilson na frente. Castroneves era o oitavo. Na mesma volta, Will Power,que havia parado e voltado à frente de Hélio, passou Briscoe e foi para o primeiro lugar. Após a parada de Briscoe, Power segurou a pressão de Rahal até o fim da prova. Na última volta, Hawksworth e Aleshin bateram na curva cinco enquanto Hunter-Reay bateu após a reta oposta.

Amanhã a corrida 2 começa às 16h30 com transmissão do Band Sports.

Confira o resultado da prova:

1. Will Power Team Penske (C) 70 voltas
2. Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Racing (H) +0.3308s
3. Tony Kanaan Target Chip Ganassi Racing (C) +5.5096s
4. Justin Wilson Dale Coyne Racing (H) +8.5951s
5. Helio Castroneves Team Penske (C) +10.7365s
6. James Hinchcliffe Andretti Autosport (H) +11.5074s
7. Carlos Munoz Andretti Autosport (H) +14.8813s
8. Carlos Huertas Dale Coyne Racing (H) +26.5965s
9. Charlie Kimball Novo Nordisk Chip Ganassi Racing (C) +32.5852s
10. Marco Andretti Andretti Autosport (H) +33.1818s
11. Scott Dixon Target Chip Ganassi Racing (C) +33.3522s
12. Juan Pablo Montoya Team Penske (C) +34.0094s
13. Sebastien Bourdais KVSH Racing (C) +36.0240s
14. Sebastian Saavedra KV AFS Racing (C) +37.0532s
15. Ryan Briscoe NTT Data Chip Ganassi Racing (C) +56.6632s
16. Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport (H) a 1 voltas
17. Mikhail Aleshin Schmidt Peterson Motorsports (H) a 2 voltas
18. Takuma Sato AJ Foyt Racing (H) a 4 voltas
19. Jack Hawksworth Bryan Herta Autosport (H) a 5 voltas
 
Abandonaram
Josef Newgarden Sarah Fisher Hartman Racing (H) a 34 voltas
Mike Conway Ed Carpenter Racing (C) a 56 voltas
Simon Pagenaud Schmidt Peterson Motorsports (H) a 66 voltas

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias