Em 20º, Helinho lamenta fraca classificação em frente a torcida

Piloto da Penske foi o pior da equipe em posição de grid. Para piorar, viu o líder do campeonato e companheiro pegar a pole: Will Power

Helio bateu nos treinos livre, o que atrapalhou seu classificatório

Vencedor da primeira etapa do campeonato e vice-líder do mundial, Helio Castroneves lamentou não poder largar mais na frente para a prova deste domingo da São Paulo Indy 300. O piloto da Penske número 3 vai largar na 20ª colocação, sua pior posição no grid este ano.

Helio disse após ao classificatório ao microfone do TotalRace que foi uma pena ele ter "achado" uma zebra alta no último treino livre que o fez abandonar e complicar seu dia.

"A zebra me traiu mesmo. Perdi um pouco o ritmo para a classificação, estava muito confiante. Foi uma pena, mas faz parte", disse Helinho

Mas para o Homem-Aranha, o mais importante foi ele ver a torcida do Brasil apoiando os pilotos:

"O mais importante é ver público empurrando, este calor humano é fantástico. Correr aqui no Brasil é muito legal, e por isso fiquei ainda mais chateado, mas imprevistos acontecem. Tenho que levantar a cabeça", completou.

Castroneves terminou dizendo que agora "é esperar amanhã para a gente ter um fim de semana melhor.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias