Hinchcliffe vence prova de abertura; Castroneves é segundo

Kanaan faz boa prova em termina em quarto, enquanto Bia abandona; Power, por sua vez, é "atropelado" por Hildebrand e fica apenas em 16º

James Hinchcliffe

Em uma prova equilibrada e bastante movimentada nas ruas de St. Petersburg, James Hinchcliffe conquistou sua primeira vitória na Fórmula Indy. O canadense da Andretti Autosport levou a etapa de abertura da temporada 2013 após uma disputa acirrada com o brasileiro Helio Castroneves, da Penske.

O ataque de Hinchcliffe veio após a última relargada, quando deu o bote em cima do brasileiro no fim da reta principal. Castroneves, que assumiu a liderança na primeira relargada e liderou o maior número de voltas, bem que tentou reagir e colocou bastante pressão no canadense, mas teve de se contentar com o segundo lugar. 
 
"Foi um ótimo dia para nós. Foi uma pena que deixamos escapar, mas Hinchcliffe fez um ótimo trabalho", afirmou Castroneves. Já o piloto da Andretti deu ao Canadá sua primeira vitória desde Paul Tracy no GP de Cleveland de 2007 e se tornou o piloto número 207 a vencer uma corrida na categoria.
 
O Brasil colocou outro piloto entre os melhores: Tony Kanaan, com o carro da KV, recebeu a bandeirada em quarto, logo atrás do norte-americano Marco Andretti, da Andretti, que completou o pódio 100% da Chevrolet com a terceira colocação. O melhor carro da Honda foi a Ganassi de Scott Dixon, o quinto, enquanto a suíça Simona de Silvestro, que andou boa parte da prova em terceiro, caiu de rendimento por precisar poupar combustível nas voltas finais e fechou o "top 6".
 
Quem não teve muito o que comemorar foi Will Power. O australiano largou da pole, perdeu a ponta para Castroneves e, durante uma das bandeiras amarelas, foi atropelado pelo carro de JR Hildebrand, da Panther, e, com isso, teve um furo no pneu e terminou a corrida apenas em 16º.
 
"Após o incidente o JR veio me pedir desculpas. Ele disse que estava olhando para o volante e passou por cima de mim. É um erro mas isso acontece na corrida. Foi uma pena pois nosso carro estava definitivamente rápido", lamentou Power.
 
Atual campeão, o norte-americano Ryan Hunter-Reay também abandonou com o carro da Andretti, mas por problemas mecânicos; já a brasileira Bia Figueiredo, da Dale Coyne, e o escocês Dario Franchitti, da Ganassi, deixaram a prova após se envolverem em acidentes. A próxima etapa da temporada 2013 acontece no circuito de Barber, em 7 de abril.
 
Confira o resultado final em St. Petersburg:
 
1. James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet), 110 voltas
2. Helio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet), a 1s0982
3. Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet), a 16s3664
4. Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet), a 19s6083
5. Scott Dixon (NZL/Ganassi-Honda), a 20s7627
6. Simona de Silvestro (SUI/KV-Chevrolet), a 20s7890
7. EJ Viso (VEN/Andretti-Chevrolet), a 20s8229
8. Takuma Sato (JAP/Foyt-Honda), a 21s1878
9. Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda), a 21s6832
10. Alex Tagliani (CAN/BHA-Honda), a 22s5569
11. Sebastien Bourdais (FRA/Dragon-Chevrolet), a 22s7354
12. Charlie Kimball (EUA/Ganassi-Honda), a 24s5429
13. Graham Rahal (EUA/RLL-Honda), a 37s5324
14. Ed Carpenter (EUA/ECR-Chevrolet), a 45s2054
15. James Jakes (ING/RLL-Honda), a 45s7793
16. Will Power (AUS/Penske-Chevrolet), a 3 voltas
17. Oriol Servià (ESP/Panther DRR-Chevrolet), a 6 voltas

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias