Parâmetros do push-to-pass são modificados para Sears Point

O delay de ativação cai em 1s5 segundo na etapa de Sonoma; potência extra no motor é de 30 cavalos de força

A Fórmula Indy diminuiu o tempo entre o acionamento do botão e o aumento de potência real na pista.

Desde a etapa da Indy em Toronto, que a categoria reintroduziu o famoso "botão de ultrapassagem", também usado na Stock Car Brasil de um modo bem semelhante.

Agora são somente 3s5 de atraso, contra 5s da prova de Mid-Ohio. O tempo total de utilização do 'push' é de 90s, mas o máximo que o piloto poderá usar por sessão é de 15s.

"Todos os parâmetros do sistema de push-to-pass podem ser adaptados para qualquer etapa da Fórmula  Indy", disse o diretor de desenvolvimento de motores da categoria Trevor Knowles. “Sonoma têm retas mais curtas do que o que em Mid-Ohio, então nós ajustamos os parâmetros do push-to-pass para esse circuito em específico, mas os princípios serão os mesmos", finalizou.

Além de um 30 cavalos a mais no motor, o limite de giro é estendido em 200 RPM.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias