Após resultados ruins, Aprilia e Melandri encerram contrato

Piloto italiano não consegue encontrar rendimento próximo ao do companheiro Bautista e tem acordo rescindido

Vice-campeão de 2005 na MotoGP, o italiano Marco Melandri e a Aprilia entraram em consenso para terminar seu contrato deste ano. O piloto atuava pela equipe de fábrica da Aprilia na Superbike, que migrou para a MotoGP se unindo com o time Gresini. Mesmo com histórico na MotoGP, Marco jamais se adaptou à categoria novamente.

Em comunicado, a Aprilia anunciou que o italiano da moto de número 33 já não correrá mais neste final de semana, quando a categoria desembarca em Sachsenring para o GP da Alemanha, nona etapa do ano.

O piloto de 32 anos foi campeão das 250cc (atual Moto2) em 2002 depois de ter sido o vencedor mais jovem da história da mundial aos 15 anos, no GP da Holanda de 1998 nas 125cc (atual Moto3). Ele ganhou cinco provas na MotoGP exatamente pelo time Gresini (com a Honda), após ir para a Ducati em 2008 - onde teve um ano difícil ao lado de Casey Stoner.

Após as decepções na MotoGP, o italiano foi para a Superbike em 2011 na equipe da Yamaha. Melandri ficou por lá até 2014, passando também por BMW e pela Aprilia.

Com a vinda da Aprilia para a MotoGP, o piloto, sob contrato, migrou também. Seus melhores resultados foram o dois 18º lugares em Le Mans e em Mugello. Enquanto isso, seu companheiro Álvaro Bautista já tem 11 pontos na temporada e ocupa a 17ª posição.

O substituto de Melandri será o britânico Michael Laverty.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Marco Melandri
Equipes Aprilia Racing Team
Tipo de artigo Últimas notícias