Marc VDS confirma oficialmente Tito Rabat na MotoGP

Após cinco temporadas atuando na Moto2, espanhol sobe para categoria principal do mundial com equipe belga

Só faltava assinar. Tito Rabat, campeão da Moto2 em 2014 e vice-líder do mundial deste ano até aqui, irá subir para a MotoGP em 2016. O espanhol atuará com uma moto satélite da Honda na equipe Marc VDS – mesmo time pelo qual corre na categoria intermediária.

"O objetivo da minha vida era, antes de tudo, chegar à MotoGP. Agora preciso conseguir bons resultados na categoria", disse Rabat.

"Eu sei que subir para a MotoGP na Honda RC213V não vai ser fácil, mas tenho todo o inverno para me preparar e me certificar de que estarei forte e pronto para os testes de pré-temporada.”

"Vai ser uma grande curva de aprendizado, mas o objetivo será melhorar passo a passo para que nós estejamos prontos para a primeira corrida no Catar."

Rabat já testou a Marc VDS Honda durante o teste de pneus Michelin de segunda-feira após o GP de Aragón. Ele descreveu a experiência como "incrível".

"Da primeira vez que você monta na moto simplesmente não está preparado", acrescentou. "Há muita velocidade, muita aceleração e as curvas chegam cedo demais.”

"Uma vez adaptado à velocidade, à potência e aos freios de carbono, consegui entender um pouco mais como funciona a moto e ir um pouco mais rápido."

O lugar de Rabat na Moto2 está previsto para ser de Franco Morbidelli, que se juntará a Álex Márquez, irmão mais novo do campeão de MotoGP Marc Márquez.

Miller na segunda moto

Embora não tenha sido anunciado com Rabat, é provável que Jack Miller esteja na segunda moto do time. Ele tem tido uma temporada de estreia na MotoGP difícil a bordo de uma moto Honda da classe Open na LCR após vir da Moto3.

Espera-se que a Honda esteja pagando a conta para a expansão da equipe Marc VDS, com Miller entrando no segundo ano de um contrato de três com a marca japonesa.

No início do ano, Miller estava mais propenso a ir para a Aspar Honda. Mas o time espanhol parece cada vez mais perto de mudar de motos para a Ducati para 2016 após confirmar Yonny Hernandez como piloto para a próxima temporada.

Duplas da MotoGP para 2016

Pilotos em itálico ainda não foram confirmados

Movistar Yamaha

 Valentino Rossi

 Jorge Lorenzo

Repsol Honda

 Marc Marquez

 Dani Pedrosa

Ducati

 Andrea Dovizioso

 Andrea Iannone

Suzuki

 Aleix Espargaro

 Maverick Vinales

Aprilia

 Alvaro Bautista

 Stefan Bradl

Tech 3 Yamaha

 Pol Espargaro

 Bradley Smith

LCR Honda  Cal Crutchlow
Marc VDS Honda

 Esteve Rabat

 Jack Miller

Pramac Ducati

 Danilo Petrucci

 Scott Redding

Avintia Ducati

 Hector Barbera

 Loris Baz

Aspar Ducati

 Yonny Hernandez

 Eugene Laverty

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Jack Miller , Tito Rabat
Equipes Marc VDS Racing Team
Tipo de artigo Últimas notícias