Para Barros, Rossi será campeão: “está com fome de garoto”

Em entrevista exclusiva, Alex Barros fala sobre pontos fortes e fracos de cada um dos protagonistas da briga pelo título da temporada 2015 da MotoGP

A temporada 2015 da MotoGP tem visto novamente Valentino Rossi e Jorge Lorenzo como os postulantes ao título. O italiano lidera o campeonato com uma vantagem de 11 pontos sobre o espanhol (296 a 285), faltando duas provas para o fim do campeonato.

Falando com exclusividade ao Motorsport.com, Alex Barros – que esteve na categoria por 17 temporadas – foi enfático ao apontar quem vencerá a disputa. “Valentino, pois tem sido o piloto mais sólido. Lorenzo pode até fazer frente, mas aposto em Rossi”, disse.

Além disso, Barros analisou as características dos candidatos à taça, colocando o piloto da moto #46 acima do companheiro de equipe na Yamaha e rival na briga pelo campeonato.

“Rossi peca na classificação, às vezes ele parte de uma posição ruim. Lorenzo tem mais ‘punch’, mas Valentino tem muita solidez, na corrida ele sempre aparece e, mesmo em condições de inferioridade, consegue brigar. Lorenzo é mais veloz, mas Rossi é mais completo”, afirmou.

Mudando para se manter no topo

O brasileiro destacou também o trabalho do italiano para se manter competitivo na batalha com pilotos mais jovens – o italiano tem 36 anos, enquanto Lorenzo é oito anos mais novo. Marc Marquez, por sua vez, tem apenas 22 anos, 14 a menos do que o heptacampeão da categoria principal do Mundial de Motovelocidade.

“Não é fácil. E o que ele está fazendo é de tirar o chapéu, está mudando a história. Ele mudou o estilo (de pilotagem), passou por uma fase difícil. Rossi tem dinheiro, tem títulos, não precisa provar nada para ninguém. Vi um treinamento dele no rancho no começo do ano e digo que ele tem o espírito de um adolescente, está com a ‘fome’ de um garoto, apesar da idade”, disse.

Barros, assim como o italiano, obteve bons resultados após os 30 anos, brigando na pista com pilotos mais novos e diz qual é o segredo para se manter entre os mais velozes durante tanto tempo.

“É preciso muita gana. Você vira e diz a si mesmo ‘eu quero isso e nada vai me impedir, não importa o sacrifício que eu tenha que fazer’. Quando você tem isso, nada te para, sem dúvida”, completou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Valentino Rossi , Alex Barros , Jorge Lorenzo
Tipo de artigo Entrevista